Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2011

La dignité de l'homme

Não te dei nem rosto, nem lugar que te seja particular, tampouco nenhum dom que te fosse peculiar, ô Adão, para que teu rosto, teu lugar e teus dons, tu os ambicione, conquiste e os possua por ti mesmo. A natureza resguarda outras espécies em leis por mim estabelecidas. Porém, tu, que possui livre-arbítrio, juiz de ti e em tuas próprias mãos entregue, defina-te."Pico della Mirandola, De la dignité de l'homme."